Sarinhas assadas com azeite, pimenta e ervas aromáticas

Com os santos populares à porta, já cheira a manjerico e a sardinha assada!

Uma das fontes mais concentradas de ácidos gordos ómega-3, a sardinha é rainha o ano inteiro. Seja fresca ou enlatada, é uma forte aliada da saúde do seu coração devido aos EPA (ácido ecosapentaenóico) e DHA (ácido docosahexaenóico). O EPA e o DHA contribuem para o normal funcionamento do coração numa alimentação equilibrada e com uma dose diária de 250mg destes ácidos gordos. Outro grande benefício para um coração saudável é o seu elevado aporte em vitamina B12 e vitamina B6 que auxiliam no controlo metabólico de homocisteína. Este aminoácido, em níveis elevados, pode lesar as paredes das artérias contribuindo para o risco de aterosclerose.

Se acha que o poder da sardinha fica por aqui, cada garfada contribui ainda para ossos fortes e saudáveis: tudo graças à vitamina D, ao Cálcio e ao Fósforo. A vitamina D desempenha um papel importante na absorção e utilização do Cálcio e do Fósforo. Já os minerais são essenciais na formação e fortalecimento ósseo.

Para que usufrua de todas as propriedades nutricionais, certifique-se que ao comprar sardinha esta está mesmo fresca pois é um peixe muito perecível. A sardinha terá que estar firme ao toque e com olhos e pele brilhantes.

Uma grande vantagem relativamente a alguns peixes gordos é a de que a sardinha não é concentrada em metais pesados, como o mercúrio, sendo aconselhada durante a gravidez.

Ideias para disfrutar das sardinhas:

  • Simplesmente assadas com sal e uma boa salada de batata cozida e pimentos grelhados a acompanhar;
  • Sardinha enlatada (em água) com um toque de azeite e limão, cebola roxa picada e azeitonas;
  • Sardinha enlatada (em azeite) com vinagre balsâmico sobre uma fatia de pão torrado;
  • Sardinha em tomatada com um toque de malagueta;
  • Sardinhas com Batatas em azeite e alecrim

Tipicamente portuguesa, a sardinha já ganhou um lugar de destaque nos alimentos que nos fazem sorrir e com muito mérito!

Tabela com o valor nutricional da sardinha

Tânia Miguel Soeiro, Coach da Your Challenge, Formadora e Nutricionista do Nutrihome.
Membro da Ordem dos Nutricionistas nº0588N.

Alimentos que fazem sorrir – Sardinha