Há centenas de anos que o coco é um fruto popular em todo o mundo, contribuindo de forma significativa para a economia de diversos países e fazendo parte do dia-a-dia de milhões de pessoas. Trata-se de um fruto com diversas aplicações a nível culinário, que pode ser consumido em cru (polpa ou leite de coco) ou sob a forma de farinha de coco, óleo de coco ou ainda manteiga de coco.

Ao contrário do óleo de coco, a manteiga de coco não é constituída exclusivamente por lípidos, uma vez que é obtida através da compressão da polpa do coco até esta ficar em puré. A nível nutricional, a principal diferença entre o óleo e a manteiga de coco é o alto teor de fibra da manteiga. Uma colher de sopa de manteiga de coco (15g) tem cerca de 3g de fibra, apresentando benefícios na regulação do trânsito intestinal.

Tabela com os valores nutricionais da manteiga de coco

Apesar do alto teor de fibra, a manteiga de coco deve ser consumida com moderação devido à sua elevada densidade energética e composição em lípidos saturados.

Este produto pode ser utilizado como substituto da manteiga comum para barrar e é também uma boa opção para adicionar a smoothies, gelados ou produtos de pastelaria. Pode também ser adicionado a cereais ou iogurtes para dar mais sabor e ainda substituir o açúcar do café.

A manteiga de coco pode ser feita artesanalmente com o auxílio de um liquidificador/ robot de cozinha. Basta triturar cerca de 500g de polpa de coco/ coco ralado durante cerca de 15-30 minutos até obter um produto de consistência cremosa. Depois, pode guardá-la num local fresco e seco.

Equipa de Nutricionistas Jumbo

Manteiga de coco